terça-feira, fevereiro 20, 2007

O Plano Nacional de Leitura e a Biblioteca Escolar


O Plano Nacional de Leitura tem como um dos objectivos centrais “elevar os níveis de literacia dos portugueses e colocar o país a par dos nossos parceiros europeus”.
A escola desempenha um papel fundamental no cumprimento deste objectivo, sendo um dos espaços privilegiados onde os jovens têm contacto com os livros e onde alguns se iniciam como leitores.
Hoje, na maioria das escolas, os jovens podem usufruir de Bibliotecas Escolares, as quais disponibilizam serviços e recursos que permitem a todos tornarem-se leitores críticos, capazes de reflectir e de argumentar.
Enquanto, colaboradora da Rede de Bibliotecas Escolares, reflicto sobre a articulação do PNL e da Biblioteca Escolar. Lemos na sala de aula? Na Biblioteca? Ou em qualquer outro lugar?
O lugar para ler não é necessariamente importante. O importante é ler!
Ler na sala de aula é um exercício fundamental. Aqui desenvolve-se essencialmente uma técnica a três níveis: fonética, sintáctica e semântica. Aprende-se a ler vários tipos de textos.
Ler na Biblioteca Escolar é um acto de prazer! É aqui que os alunos deverão encontrar uma boa selecção de livros recreativos e de informação que respondam aos seus interesses e que se adeqúem aos seus percursos de aprendizagem.
A leitura em sala de aula e na Biblioteca Escolar complementam-se! O professor responsável pela Biblioteca deve implementar actividades que integrem a Biblioteca Escolar nos Projectos Curriculares de Turma.
Implementar o PNL é também reforçar articulação da sala de aula com a Biblioteca Escolar.
Boas Leituras!